skip to content

PET

EDITAIS - CLIQUE AQUI

 

O PET - Programa de Educação Tutorial, tem como objetivo: desenvolver atividades acadêmicas em padrões de qualidade de excelência com grupos de aprendizagem tutorial de natureza coletiva e interdisciplinar; contribuir para a elevação da qualidade da formação acadêmica dos alunos de graduação; promover a formação de profissionais com qualificação técnica, científica e acadêmica; formular novas estratégias de desenvolvimento e modernização do ensino superior no país; estimular o espírito crítico, bem como a atuação profissional pautada pela ética, pela cidadania e pela função social da educação superior. Os discentes participantes podem ser voluntários ou bolsistas e desenvolvem atividades que aliam o ensino, a pesquisa e a extensão. Para ingressar no Programa, os alunos selecionados pelas IES – Instituições de Ensino Superior – devem possuir bons rendimentos escolares e se organizarem em grupos com orientação acadêmica de professores-tutores.

A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - CAPES, implantou, em 1979, o PET, chamado inicialmente de Programa Especial de Treinamento Acadêmico, direcionado a alunos regularmente matriculados em cursos de graduação. Em 2004, a sigla PET passou a significar Programa de Educação Tutorial.

Na UFOP, o PET foi implantado em meados de 1992, com a criação de 5 (cinco) grupos: Nutrição, Engenharias Civil e Geológica, Farmácia e História, sendo que este último acabou sendo extinto posteriormente. Mais recentemente, em 2008 e 2009, na UFOP, foram aprovados pelo MEC/SESu, respectivamente, os Grupos PET da Matemática (Licenciatura) e o primeiro PET de Engenharia Ambiental do Brasil. Posteriormente foram criados o PET Conexão de Saberes, o PET Pedagogia e o PET Física.

Atualmente, quatrocentos e sessenta Grupos PET estão instalados nas mais de duas mil e quinhentas Instituições de Ensino Superior (IES) do Brasil, sendo que mais de quatro mil bolsistas fazem parte do Programa.

Para ingressar no Programa, os alunos selecionados pelas IES – Instituições de Ensino Superior – devem possuir bons rendimentos escolares e se organizarem em grupos com orientação acadêmica de professores-tutores.

O PET tem os seguintes objetivos:

  • Envolver os estudantes, que dele participam, num processo de formação integral, propiciando-lhes uma compreensão abrangente e aprofundada de sua área de estudos;
  • Desenvolver atividades acadêmicas em padrões de qualidade de excelência, mediante grupos de aprendizagem tutorial de natureza coletiva e interdisciplinar;
  • Contribuir para a elevação da qualidade da formação acadêmica dos alunos de graduação;
  • Promover a formação de profissionais de elevada qualificação técnica, científica e acadêmica;
  • Formular novas estratégias de desenvolvimento e modernização do ensino superior no país;
  • Estimular o espírito crítico, bem como a atuação profissional pautada pela ética, pela cidadania e pela função social da educação superior.
  • Os discentes participantes podem ser voluntários ou bolsistas e desenvolvem atividades que aliam o ensino, a pesquisa e a extensão.

Os grupos PET participam da Mostra de Profissões, de programas de rádio e TV, de trabalhos de Extensão Universitária, do Seminário de Iniciação Científica (SIC) no Encontro de Saberes, no qual apresentam sua produção científica e os trabalhos realizados.

Normalmente, os bolsistas são selecionados nos primeiros semestres de graduação (2° ao 4°) e os selecionados são contemplados com bolsas que podem se estender até o término do curso, dependendo do compromisso do aluno no Programa.


Grupos PET UFOP

Saiba mais sobre cada um dos grupos PET da UFOP!

 

Comitê Local de Acompanhamento e Avaliação 

Portaria de Nomeação CLAA